Para receber atualizações e novidades:

Blog

O que é mapa mental e com usar por Liz Kimura

24 de Agosto de 2015 Kalinka Carvalho

Eu sempre digo e repito que organizaçāo é um processo, você nāo se torna uma pessoa organizada de uma hora para outra. Vou iniciar uma série de posts sobre algumas ferramentas de organizaçāo, assim vocês podem escolher qual combina com você. A primeira ferramenta que vou falar sāo os mapas mentais, eu simplesmente sou viciada neles, sempre fiz para organizar ideias e estudar. Adoro fazer tanto no papel como usando aplicativos.

Para falar sobre o assunto convidei a especialista nessa técnica de organização Liz Kimura, eu fiz as perguntas através de um mapa mental e ela me respondeu também em mapas mental. Confira:

Mapa mental perguntas:  

Abaixo segue as respostas completas, para você que ainda nāo está familiarizado e em forma de mapa mental:

 

1. O que é um mapa mental?

É uma forma visual e gráfica, de organizar ideias e informações que usa o dois lados do cérebro, tanto o direito quanto o esquerdo. Dessa maneira você consegue envolver tanto o lado emocional como o racional para transmistir um conteúdo.  

 

 

2. Como posso fazer um mapa mental?

Existem duas formas de fazer uma mapa mental: manualmente e eletronicamente. Quando feito de maneira manual, usamos papel e canetas coloridas. O mais indicado é que a folha seja branca e usada na horizontal, já as canetas podem ser diversificadas, como: hidrográficas, esterográficas e marca-textos. Também é possível fazer usando giz de cera, lápis e pincel. 

Eletronicamente podemos usar algum equipamento (pc, notebook, tablet e smartphone) ou software. No mercado existem softwares gratuitos e pagos. Veja alguns exemplos:

a) Pagos: iMindMap, Mind Mananger, Nova Mind e Mind Meister 

b) Free: FreeMind e Xmind

 
 

3. Para que serve um mapa mental? Onde posso usar o mapa mental?

Ele serve para organizar ou planejar. No primeiro caso podem ser ideias e informações, mas caso queira planejar pode usar em todas as áreas da sua vida:

a) Pessoal:  listas de pendências e compras, rotina familiar, festas, viagens, etc. 

b) Profissional: reuniões, apresentações, gerenciamento, viagem, etc. 

c) Acadêmica: como professor ou estudante para assimilar ou resumir os conteúdos, etc. 

Pessoal

 

Profissional

 

Acâdemica

 

4. Quem são as pessoas mais indicadas a usar os mapas mentais?

Todas as pessoas podem usar o mapa mental o que vai variar é a sua funcionalidade. Por exemplo: crianças e adolescentes usam para estudos, já para os adultos é indicado para todas as carreiras e níveis hierárquicos,  pois ele é uma maneira de organizar conteúdo.  

 

 

5. Quando e como começou a usar os mapas mentais?

Liz Kimura é Graduada em Direito pela Pontifícia Universidade Católica São Paulo e Pós–Graduada, Lato Sensu, em Assuntos do Consumidor e Qualidade em Prestação de Serviço, no Japão. Realizou vários cursos de aperfeiçoamento e especialização nos Estados Unidos, Venezuela e Brasil sobre Desenvolvimento de Liderança, Comunicação, Criatividade e Teoria do Comportamento. 

Tem aplicado a técnica do Mind Mapping® desde 1995 das mais diversas maneiras, para anotar aulas na faculdade, palestras, preparando-se para exames e provas, resumindo textos e livros, preparando aulas e discursos, organizando eventos, listas de compras e pendências. Mais de 2000 pessoas já passaram por seus cursos nos últimos cinco anos. 

Em 2000 se certificou pela Buzan Licensed Instructor e em 2008 pela Certified Idea Mapping Instructor.  

 

 

6. Que ferramentas online recomenda para usar mapas mentais?

O MindMesteir é o mapa mental que foi usado para fazer essa entrevista e foi recomendada pela Liz Kimura.  

 

 

7. Dê alguma dica sobre mapas mentais aos nossos leitores:

Liz recomenda ter papel sem pauta, canetas coloridas ou usar um software. Ela diz preferir caderno com espiral, pois folhas soltas se perdem e indica separar por assuntos específicos. Importantíssimo fazer bakcup, seja tirando uma foto ou digitalizando quando feito a māo. Lembre-se também de coloar data assim saberá quando foi feito e se as informações ainda estāo válidas. Na hora de fazer o mapa use sempre palavras chaves e use cores, sempre que possível desenhe ícones que ajudarāo na identificaçāo, crie você mesmo o seu critério.  

 

 

8. Mini-currículo e contatos da Liz:

Liz kimura  é uma comunicadora carismática que conquista e encanta as pessoas em suas palestras, seminários, workshops e cursos. Ela é certificada internacionalmente pela Mind Mapping e Idea Mapping. 

Para saber mais sobre o trabalho da Liz, entre no site da LNK Consultoria e Treinamento. E para contratá-la mande e-mail para: contato@LNKconsultoria.com.br ou ligue: (11) 3271-9336. Se quiser fazer os próximos cursos dela, segue a agenda.   

 

E ai gostaram da entrevista através de mapas mentais? Se quiserem aprender mais a Liz Kimura lançou uma aula sobre mapas mentais que está disponível no hotmart.

Já fiz um post no Blog Papo Universitário sobre o assunto. Assista o vídeo abaixo que explico como usar mapas mentais para se organizar: 

Deixe um comentário dizendo se já usa a ferramenta e para que!  

 

 

 

Assinatura