01

5 dicas de produtividade para o bem da sua saúde

Sexta-feira, 19 de Julho de 2019

Freepik

 

Algumas pessoas, de maneira natural, apresentam um perfil organizacional exemplar, o que as torna mais eficientes e produtivas. Para outras, o mero pensamento de limpeza ou organização pode ser aterrador. Se você já foi o responsável por atrasar uma reunião por não conseguir localizar um documento importante, ou costuma perder prazos com certa frequência, o desenvolvimento de sua disciplina organizacional está encabeçando sua lista de obrigações pendentes. A seguir, apresentaremos 5 dicas sobre como e o que organizar para que possa se tornar uma pessoa mais motivada e eficiente, desfrutando dos benefícios que a organização pode trazer a sua vida.

 

1. Não procrastine

Nunca deixe de arrumar ou guardar alguma coisa. A poluição visual e energia parada resultantes de uma casa ou escritório desorganizados acarreta em falta de concentração, além de desvio de foco. Muitas vezes, o cansaço ou distração nos faz passar por um ambiente, olhar os objetos fora de lugar e pensar: “depois eu guardo”. Agindo dessa forma, a tendência é que os mesmos permaneçam sempre ali, acumulando-se com outros objetos.

Além disso, o excesso de desorganização pode levar um indivíduo a tornar-se um procrastinador, refletindo em um descontentamento emocional mais profundo. Em casos como esse, um bom terapeuta pode ajudar.

Portanto, não procrastine. Dedique poucos minutos do seu dia para organizar alguma coisa que eventualmente você viu fora do lugar, para que não precise dedicar vários minutos (ou horas) dando aquela geral no ambiente.  Ao se manter organizado você economizará tempo e, ao invés de ficar procurando coisas, terá mais tempo para seu lazer e tarefas mais úteis.

 

 

2. Pratique atividades físicas com regularidade

O que tem a ver organização com as atividades físicas? Segundo estudos realizados pela OMS (Organização Mundial da Saúde), indivíduos que praticam atividades físicas com regularidade apresentam um perfil disciplinado, o que os torna mais organizados e focados. A explicação para isso é que, ao submeter o corpo a exercícios físicos, o sistema nervoso libera um hormônio conhecido como endorfina.

A endorfina possui propriedades analgésicas e, além de proporcionar uma sensação de bem-estar e relaxamento, provoca uma melhora significativa em quadros de depressão, ansiedade e irritabilidade, aumentando a concentração e o foco. Organizando sua jornada diária com antecedência, você economiza boas horas do seu dia. Aproveite-as para se dedicar a algum esporte ou atividade física, isso lhe trará benefícios não apenas em seu comportamento organizacional, como também a sua saúde física e mental.

 

 

3. Seja organizado com suas finanças

Crie uma planilha para ter um controle sobre as contas da casa, do supermercado e eventuais prestações ou cartões de crédito. Dessa forma, poderá evitar esquecimentos, economizando um bom dinheiro com eventuais juros ou multas provenientes de atrasos. Já chegou ao final do mês e se deu conta de que quase não te sobrou dinheiro? Mesmo que seu salário supere em boa margem os seus custos fixos? Pois faça um simples teste: passe o mês inteiro pagando todos os seus gastos com o cartão de débito (ou crédito), mesmo um simples cafezinho na padaria.

No final do mês, acesse seu extrato bancário ou fatura e jogue em uma planilha todos esses pequenos gastos. Ao somar o montante, segure-se na cadeira: muitas vezes o valor supera até mesmo os custos fixos mensais. Será que esses gastos são realmente necessários?

A importância de se ter um planejamento financeiro para o futuro, estabelecendo metas e objetivos, é fundamental para você possa fazer com que seu dinheiro trabalhe para você, e não o contrário.

Leia o post: 5 dicas práticas para organizar suas finanças em 2019 

 

 

4. Organize sua vida profissional

Comece a se organizar enquanto é estudante, para que não passe por dificuldades após entrar no mercado de trabalho. Ser um profissional organizado aumenta sua produtividade e lhe poupa de diversos contratempos e estresses desnecessários, diminuindo os riscos de doenças cardíacas ou sensações desconfortantes como a falta de ar, ocasionada por alterações no sistema respiratório.

Se as coisas são organizadas e rotuladas corretamente, localizá-las será uma tarefa fácil e rápida, ao invés de uma fonte de estresse. Outra boa dica é a de criar o costume de definir alertas de calendário, por exemplo, para garantir que você não fique muito envolvido em uma tarefa e perca a noção do tempo, evitando que que acumulem ou atrasem.

Leia o post: Como atualizar e organizar seu perfil no LinkedIn

 

 

5. Procure um personal organizer

O personal organizer é o profissional que promove a assessoria organizacional a clientes que não tem tempo ou expertise para a organização de sua residência, empresa ou até mesmo eventos. Esse profissional possui habilidades e conhecimentos para executar, de maneira pratica e funcional, a correta organização de um ambiente, proporcionando praticidade e bem-estar a seus usuários. Cada pessoa possui necessidades particulares e esse profissional é capaz de detecta-las, apresentando e executando a melhor solução para cada caso.

Leia o post: Como escolher um (a) personal organizer?

 

Abaixo um resuminho para nāo esquecer: 

 

 

Texto feito em parceria com Paula Campos

Contato: pfdcampos@gmail.com

 

Para receber atualizações e novidades

Redes Sociais

Aplicativo